spot_img

Governo do Estado adere e lança Juventude Empreendedora 2.1

O Governo do Estado de Pernambuco, através da Secretaria Executiva de Criança e Juventude lança, nesta quinta-feira (13/05), o Programa Juventude Empreendedora 2.1 em Pernambuco, às 11h, via Youtube da Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (www.youtube.com/SecDesenvolvimentoSocial). O programa é executado pelo Conselho Nacional da Juventude (CONJUVE), em parceria com a Besouro Agência de Fomento Social e com o Fórum da Juventude da CPLP. Com o objetivo de capacitar jovens entre 17 e 29 anos para se tornarem empreendedores, o programa é gratuito e acontece entre os dias 24 e 28 de maio, das 18h às 22h, por meio do site www.juventudeempreendedora.com.br.

Durante o lançamento também será assinado o termo de adesão ao projeto. O Juventude Empreendedora chega em sua segunda edição, desta vez adaptado para o formato online. O programa é dividido em 11 etapas que abordam: finanças; comunicação online e offline; gestão de pessoas; redes de relacionamentos; marketing e vendas.

“Os jovens precisam de um horizonte e não podemos deixar para amanhã a participação do Estado nesse movimento de colocá-los na economia ativa do país. O Juventude Empreendedora é uma oportunidade que se abre para eles e estamos prontos para fomentar a participação dos jovens nessa iniciativa”, comenta  o secretário-executivo de Criança de Juventude, Eduardo Vasconcelos. Segundo o presidente do CONJUVE, Marcus Barão, o Juventude Empreendedora é uma das respostas imediatas para jovens que não podem esperar por uma mudança de conjuntura. “A metodologia foi aplicada em mais de 1.000 cidades e em todas regiões do Brasil de maneira bem-sucedida. Ela é extremamente prática e voltada para a geração de renda imediata”.

Metodologia by necessit – Criada pelo presidente da Besouro Agência de Fomento Social, Vinícius Mendes Lima, a metodologia by necessit, abordada no programa Juventude Empreendedora, trabalha o empreendedorismo a partir da vivência do aluno. O método aborda o modelo tradicional de planos de negócios, adaptando para a utilização de pequenos empreendedores, de forma a possibilitar sua execução em até cinco dias.

Balanço – Desde a sua criação, em 2019, o programa Juventude Empreendedora contabilizou 30 mil inscritos; 27 mil alunos certificados como empreendedores; e impactou mais de 100 mil pessoas direta e indiretamente no Brasil, Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal e São Tomé e Príncipe e Timor-Leste.

 

O Conselho Nacional da Juventude – O CONJUVE é a plataforma oficial de representação juvenil do Brasil. Ele foi criado como órgão autônomo em 2005 pela Lei 11.129, e reúne algumas das principais organizações da sociedade civil e lideranças juvenis do país, além de representantes do Poder Público. Entre as suas atribuições está a de formular e propor diretrizes da ação governamental voltadas à promoção de políticas públicas de juventude, desenvolver estudos e pesquisas sobre a realidade socioeconômica dos jovens, articular, engajar e mobilizar redes e organizações juvenis, e promover o intercâmbio entre as organizações juvenis nacionais e internacionais. 

spot_img

Faça seu comentário

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_imgspot_img

Artigos Relacionados

spot_img

Siga-nos!

2,198FãsCurtir
148SeguidoresSeguir
5,860InscritosInscrever

Últimas postagens