spot_img

Delegada Gleide Ângelo e prefeita de Sirinhaém discutem ações conjuntas em favor das mulheres no litoral sul

Os municípios do litoral sul pernambucano, que vivem majoritariamente da pesca e do turismo, ainda não conseguiram se recuperar dos acontecimentos dos últimos anos: em 2019, o vazamento de óleo combustível e, agora, a pandemia do novo coronavírus. Com uma população de pouco mais de 46 mil habitantes, Sirinhaém investe no reforço da infraestrutura para receber novos visitantes como principal estratégia de recuperação econômica. Em encontro com a prefeita Camila Machado (PP), a Delegada Gleide Ângelo destacou como este cenário tende a aumentar a situação de vulnerabilidade de muitas mulheres, na medida em que favorece a dependência financeira dos companheiros que, por vezes, são abusivos.

Desta maneira, a Delegada Gleide Ângelo confirmou o destino de emendas parlamentares para a cidade. São medidas que vão viabilizar o fomento para ações em favor das sirinhaenses em situação de vulnerabilidade e risco. “A gente sabe que muitas mulheres vivem uma realidade de agressões e humilhações e se calam por não terem um norte. Não terem como recomeçar, nem para onde ir com os filhos. Por isso, precisamos oferecer ferramentas para a proteção delas. Para que elas consigam romper esse ciclo de violência”, frisa. A oferta de cursos e oficinas para a capacitação e geração de emprego e renda para foi outro compromisso firmado. “Camila é a primeira mulher na administração na história de Sirinhaém. As pessoas precisam entender o valor que é a conquista destes espaços públicos e de poder pelas mulheres. É assim que mudamos uma cultura machista, de opressão e de dominação. Também sei que, assim como eu, ela também compreende a importância de proporcionarmos para todas as mulheres as ferramentas para que elas alcancem a própria autonomia, a independência financeira e o resgate da autoestima”, explica.

INFORMAÇÃO – A Delegada ainda esteve no centro da cidade, onde pode conversar com alguns moradores sobre seu trabalho como deputada. São 76 projetos apresentados e 35 leis aprovadas não apenas no reforço dos direitos das mulheres, como também em áreas como saúde, educação e segurança pública. Na última semana, a deputada esteve ao lado do governador Paulo Câmara (PSB) para anunciar a nomeação de quase dois mil concursados das polícias civil, militar e científica e do corpo de bombeiros.“A política está na maneira em como trabalhamos para transformar a vida das pessoas. Meu trabalho é transparente, democrático e propositivo, por isso faço questão de levar informações sobre o balanço e os resultados do meu trabalho como deputada estadual a todas as pessoas ”, conclui.

spot_img

Faça seu comentário

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_imgspot_img

Artigos Relacionados

spot_img

Siga-nos!

2,198FãsCurtir
148SeguidoresSeguir
5,860InscritosInscrever

Últimas postagens