MORTE DA BURRA – Prefeitura de Arcoverde emite nota e Blog Roberto e Romero responde

A NOTA DA PREFEITURA ESTÁ REPRODUZIDA AO FINAL DO TEXTO

Em relação a “NOTA DE ESCLARECIMENTO EMITIDA ATRAVÉS DA SECRETARIA DE CULTURA DE ARCOVERDE” informamos que em nenhum momento afirmamos que a responsabilidade pelo fim do bloco “A BURRA” seria da prefeitura. Não escrevemos isso. A interpretação foi subjetiva por parte da equipe da prefeitura. Destacamos em negrito, as palavras do fundador da agremiação, que cita apenas que  quem poderia ajudar, não ajudou, mas não cita nomes, ressaltando o descaso. Veste a carapuça quem quiser.  Em seguida, lamentamos o fim da “Burra”, lembrando que Arcoverde ostenta o título de Terra da folia de Bois e de Ursos, sem direcionar responsabilidade a quem quer que seja.

Por outro lado, é  uma pena que a Secretaria de Cultura, apesar de ter uma equipe muito bem remunerada para fazer e refazer constantemente o mapeamento cultural, ter sido surpreendida pelas redes sociais com a triste notícia do fim da “BURRA”.  Se há mapeamento e acompanhamento efetivo não era para haver surpresas.  De fato, a municipalidade não pode custear 100% de um evento de natureza privada, mas, pela tradição, pela qualidade e pelo diferencial do bloco poderia ter articulado a classe empresarial ou política regional e estadual para angariar recursos para promover a festa, encabeçado uma campanha de divulgação  das necessidades da “Burra” para sensibilizar a opinião pública.

O cumulo do absurdo é assistir passivamente um bloco que é a verdadeira expressão da cultura popular  morrer por falta de apoio público ou privado. A “Burra” era democrática, autêntica e representava verdadeiramente a cultura popular de Arcoverde.  Agora é conviver pacificamente com uma triste realidade: Os produtores, dirigentes de agremiações carnavalescas, bois, jaraguás, coquistas e muitos outros fazedores e militantes de cultura,  ficaram órfãos de uma festa gratuita e popular e foram, de certa forma, excluídos do Carnaval de Arcoverde, pois,  em sua maioria, não possuem condições de pagar R$ 150,00 por mesa para participar do Baile Municipal da Prefeitura de Arcoverde ou adquirir uma entrada de R$ 50,00 para adentrar no Baile do Sesc, que por sinal faz um excelente trabalho cultural em Arcoverde.

No entanto a luta continua: os fazedores de cultura ainda vivem a fantasia de um dia serem reconhecidos, valorizados, receberem SEM ATRASO e cachês dignos durante as festas populares, como o São João, por exemplo.

A Burra era bonita, mas morreu por falta de patrocínio de quem poderia e não ajudou. Que vista a carapuça quem se omitiu.

A Burra:   | # carnaval de 2002  | + carnaval de 2018

Confira a nota do Blog Roberto e Romero

Sem apoio, Burra de 17 anos, morre em Arcoverde –  O maior e mais animado bloco carnavalesco de Arcoverde, deixa de desfilar em 2018. Em nota, o fundador do bloco em tom melancólico lamenta:

“Mas chegou o carnaval,
E ela não desfilou,
Eu chorei na avenida, eu chorei”.

Um dos maiores e mais bonitos blocos de rua de Arcoverde, estaria completando 17 anos. Estaria. Este ano “A Burra” não brilhará por falta de patrocínio e por puro descaso de quem pode e deveria ajudar a manter uma tradição tão bonita. A folia está de luto.

É uma pena não ver a Burra desfilar em 2018 e uma vergonha para a  cidade que tem o título de Terra da folia de Bois e de Ursos. O discurso sobre a valorização da cultura popular, ficou só no discurso.

Enquanto isso, Prefeitura apóia o Baile Azul e Branco do Sesc – Sem nem respeitar o luto pela morte da Burra em 2018,  a  Prefeitura de Arcoverde ostenta o apoio dado ao Baile Azul e Branco promovido pelo Sesc.  A prefeitura já anuncia que os ingressos estão sendo vendidos ao preço de R$ 25,00 para comerciários e R$ 50,00 para o público em geral.  O evento será realizado no Salão de Festas da Unidade, a partir das 22h, e vai contar com a animação da Orquestra Perfil e os interessados podem adquiri-los na sede do Sesc, que fica na Rua Capitão Arlindo Pacheco, número 364. Os foliões devem se vestir com roupas nas cores da festa, azul e branco.

Mate a saudade da Burra:

 

 

Confira a NOTA EMITIDA PELA PREFEITURA


De: Teresa Padilha <tepadilha@gmail.com>
Enviado: quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018 13:03
Para: Tribuna da Região
Assunto: NOTA DE ESCLARECIMENTO

Att: Blog Roberto e Romero

A prefeitura de Arcoverde, por meio da secretaria de Cultura e Comunicação, informa que não foi procurada pela organização do Bloco “A Burra” para qualquer tipo de apoio a agremiação. E sim, quando tomou conhecimento pelas redes sociais, que não haveria o bloco, prontamente procurou o fundador e responsável pela agremiação, Bejamim Tavares, que esclareceu não ter pleiteado o apoio municipal por não possuir condições financeiras de colocar o bloco na rua, principalmente, por falta de incentivo privado.

Mesmo assim, a Prefeitura colocou-se à disposição em fornecer a estrutura física, que SEMPRE forneceu como palco, iluminação, toldos, entre outros serviços do município.

A secretaria de Cultura e Comunicação reforça ao blog Roberto e Romero que não existe descaso da nossa parte, apenas infelizmente, a prefeitura não pode assumir o patrocínio total de uma agremiação privada. Nós nos solidarizamos com “A Burra” e como já informamos, colocamo-nos a disposição.

Atenciosamente,

Teresa Padilha 
Secretária de Cultura e Comunicação
Prefeitura de Arcoverde
87 9.9185.1779 / 98863.8604

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação contra spams * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.