Governo anula bolsas do PROUPE em Arcoverde, Salgueiro e Araripina

Foi publicado, no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira (07), um aviso de anulação das bolsas concedidas através do Programa Universidade Para Todos em Pernambuco (PROUPE) às Autarquias de Ensino Superior de Araripina, Arcoverde, Goiana e Salgueiro. A Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI) não divulgou quais foram os vícios encontrados no processo de distribuição das bolsas.

Anúncios

A decisão do governo de anular a concessão das bolsas para essas instituições, de acordo com o texto do aviso de anulação, foi a constatação de “vício quanto ao processo de redistribuição das bolsas”. Assim, a listagem de bolsistas contemplados e os atos subsequentes foram tornados sem efeito. Ainda segundo a publicação, a seleção dos bolsistas terá como critério a ordem das notas dos alunos na classificação final do  processo seletivo depois que todos os processos de distribuição em todas as etapas.

Veja abaixo a publicação do Diário Oficial do Estado:

AVISO DE ANULAÇÃO

Relativo ao processo seletivo de concessão de bolsas do Programa Universidade para Todos em Pernambuco (PROUPE), regido pela Lei Estadual nº 16.166/2017, pelo Decreto nº 45.393/2017 e pelas Portarias da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação – SECTI, finalizado em janeiro de 2018, comunicamos que foi constatado vício quanto ao processo de redistribuição das bolsas junto as Autarquias Municipais de Ensino Superior de Araripina, Arcoverde, Goiana e Salgueiro, o que ensejou a anulação da listagem dos bolsistas contemplados, que fora disponibilizada no site http://www.secti.pe.gov.br/proupe/, no dia 25/01/2018, tornando a mesma sem efeito, bem como os termos de compromissos firmados em ato subsequente. A integra da decisão de anulação está disponível no site http://www.secti.pe.gov.br/proupe

Anúncios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação contra spams * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.