spot_img

Porto de Suape participa do Dia Mundial da Limpeza com mutirão na Ilha de Cocaia

 

Iniciativa faz parte da ação global World Cleanup Day, que mobiliza a sociedade de 180 países.

O crescimento da produção de lixo no mundo é alarmante e vem trazendo prejuízos irreparáveis à natureza. Segundo pesquisa divulgada pelo Fundo Mundial pela Natureza (WWF, sigla em inglês), o Brasil ocupa o 4º lugar entre os países que mais produzem detritos no planeta, atrás apenas dos Estados Unidos, China e Índia. Para minimizar os efeitos dessa triste e preocupante realidade, há quatro anos foi criado o World Cleanup Day, ou Dia Mundial da Limpeza, mobilizando a sociedade de 180 países. Este ano, a iniciativa ocorrerá na manhã deste sábado (18) e contará, pela primeira vez, com a participação do Porto de Suape, que tem a sustentabilidade como um dos seus pilares de desenvolvimento.

Por meio do Instituto Limpa Brasil – Let’s Do It, braço direito do World Cleanup Day no país, a estatal portuária promoverá mutirão de limpeza na Ilha de Cocaia. O evento, que acontecerá das 7h30 às 11h, contará com a participação de 40 colaboradores voluntários da empresa. Todos os protocolos sanitários serão seguidos pelos trabalhadores, que farão a coleta de detritos de máscara e luvas. Além disso, os voluntários estarão protegidos do sol com camisa de manga longa UV e protetor solar. Uma lancha os levará do porto até o local do mutirão, uma ação simbólica que está em sintonia com as diretrizes administrativas da empresa.

Os resíduos recolhidos em embalagens plásticas serão transportados para o continente e, posteriormente, encaminhados para o tratamento adequado. Após o processo de separação, a equipe técnica responsável pelo mutirão enviará relatório do balanço do Cleanup Day no Porto de Suape para o Instituto Limpa Brasil – Let’s do It, que se encarregará de encaminhar os dados à Organização das Nações Unidas (ONU) para divulgação nos respectivos canais que fomentam a sustentabilidade no mundo.

“O trabalho no porto anda lado a lado com o desenvolvimento sustentável. O Complexo de Suape ocupa 13,5 mil hectares, sendo 59% destinados à Zona de Preservação Ecológica (ZPEC). Criamos, rotineiramente, ações que promovam o bem-estar e equilíbrio ambiental. E participar de uma ação como essa só reforça nosso compromisso com o zelo ao meio ambiente. É o crescimento portuário e industrial caminhando com a sustentabilidade”, afirma o diretor de Meio Ambiente e Sustentabilidade da estatal, Carlos Cavalcanti.

Para o coordenador de Gestão Ambiental Portuária de Suape, Paulo Teixeira, essa ação junta-se a tantas outras realizadas no complexo industrial portuário com o intuito de promover ações de sustentabilidade, tanto terrestres, quanto marítimas. “Ficamos muito felizes em participar de uma ação mundial nesse âmbito e contar com o engajamento de colaboradores da empresa. Iniciativas como essa despertam o sentimento de pertencimento das pessoas. E queremos que o Cleanup Day seja algo presente no nosso calendário. Não só com o mutirão de limpeza, mas com iniciativas internas que reforcem o compromisso de todos com o meio ambiente”, pontua Teixeira.

Pacto Global – Em junho deste ano, o Porto de Suape aderiu ao Pacto Global da Organização das Nações Unidas (ONU) para reafirmar o compromisso com o desenvolvimento sustentável e as boas práticas empresariais com a missão de fomentar iniciativas que promovam ações socioambientais, incentivando a sustentabilidade e promovendo a cidadania. No total, 161 países são signatários do pacto.

 Clique na imagem para escolher um dos planos e venha falar conosco.      

spot_img

Faça seu comentário

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_imgspot_img

Artigos Relacionados

spot_img

Siga-nos!

2,198FãsCurtir
148SeguidoresSeguir
5,860InscritosInscrever

Últimas postagens