spot_img

Iterpe inicia as ações de regularização agrária das áreas da Usina Frei Caneca localizadas no município de Jaqueira

Um conjunto de ações promovidas pelo Instituto de Terras e Reforma Agrária de Pernambuco (Iterpe), em parceria com a prefeitura de Jaqueira, foi iniciado com a missão de solucionar os conflitos da área da Usina Frei Caneca, no perímetro do município. Entre os dias 10 e 13, o Instituto realizou capacitação das equipes técnicas; reuniu-se junto com as instituições que acompanham o processo conjuntamente e iniciou os trabalhos de cadastramento das famílias ocupantes das terras.

Sob a coordenação do presidente do Iterpe, Henrique Queiroz, o gerente de Ações Fundiárias, Ivison Silva, nos dias 10 e 11, realizou a capacitação da equipe que estará em campo desenvolvendo as etapas de regularização, que iniciará por meio do levantamento sóciocupacional da área.

No dia 13, durante reunião promovida na prefeitura de Jaqueira, a equipe do Iterpe apresentou a metodologia construída para diagnosticar com maior precisão a realidade de cada ocupação, e que irá ser base para prosseguimento das resoluções e para a segunda etapa, que será o georreferencimento das parcelas de terras.

“O instrumento de identificação é crucial para obtermos maior sucesso e agilidade no processo de diagnóstico das áreas ocupadas. O Iterpe considera imprescindível a construção coletiva desse instrumento, para que o laudo de vistoria seja o mais assertivo possível”, explicou o gerente de Ações Fundiárias do Iterpe, durante a reunião que contou com a participação dos representantes das instituições que acompanham o processo.

A reunião contou com a participação do assessor de Articulação Institucional do Iterpe, Afonso de Souza, e toda a equipe que irá realizar o trabalho em campo; a prefeita de Jaqueira, Ridete Pellegrino; a defensora de Maraial, Juliana Paranhos; a procuradora do município, Maria Auxiliadora Rodrigues; o advogado dos agricultores, Lenivaldo Lima; o secretário adjunto de Agricultura de Jaqueira, José Clebson Silva; o representante da Secretaria Executiva Direitos Humanos de Pernambuco, Rodrigo Barbosa; e os representantes do Sindicato dos Trabalhadores Rurais do município, Ridete Pelegrino e Manoel Messias.

spot_img

Faça seu comentário

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_imgspot_img

Artigos Relacionados

spot_img

Siga-nos!

2,198FãsCurtir
148SeguidoresSeguir
5,800InscritosInscrever

Últimas postagens