spot_img

Governo de Pernambuco nomeia mais 92 concursados da Adagro

O governador Paulo Câmara nomeou mais 92 profissionais aprovados no concurso público da Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado de Pernambuco (Adagro/PE). Com esta nomeação, publicada no Diário Oficial deste sábado (11/09), e que ocorre um mês após a primeira convocação, a Adagro preenche todas as vagas disponibilizadas no último certame, totalizando 140 novos servidores em seu quadro funcional. Foram contemplados 65 assistentes de defesa agropecuária (nível médio) e 27 fiscais agropecuários, sendo 21 médicos veterinários e seis engenheiros agrônomos.

Os novos profissionais chegam para repor o quadro funcional e otimizar as atividades administrativas, de defesa e fiscalização agropecuária em Pernambuco. Devem assumir também em caráter de urgência assim como os primeiros convocados, que assumem as suas funções nesta segunda-feira (13/09) nas unidades de todo o Estado.  Foram nomeados em agosto, 25 assistentes de defesa agropecuária (nível médio) e 24 fiscais estaduais agropecuários, sendo 20 médicos veterinários e quatro agrônomos.

O concurso homologado em julho/2020 tem como objetivo a reposição de pessoal, visando a otimização das atividades administrativas, de defesa e fiscalização agropecuária. Os novos profissionais, conforme escolha de lotação no ato da inscrição, irão atuar nas regionais da Adagro de Caruaru, Garanhuns, Ouricuri, Palmares, Petrolina, Recife, Salgueiro, Sanharó, Serra Talhada, Sertânia e Surubim.

“Desde que entrei na SDA recebi os concursados na sede do órgão, e em reunião me comprometi a colocar essa pauta como prioridade. Junto com o governador Paulo Câmara conseguimos colocar pra frente a nomeação destes profissionais. Esse é um passo importantíssimo para a melhoria no trabalho realizado pela Adagro”, enfatiza o secretário de Desenvolvimento Agrário, Claudiano Martins Filho.

“Esta nomeação é resultado de muito esforço e compromisso com a instituição Adagro, com a saúde pública e com os pernambucanos. Lutamos em todas as frentes e sempre contamos com o apoio do secretário de Desenvolvimento Agrário, Claudiano Martins Filho, e da secretária de Administração Marília Raquel Simões Lins”, comemora o presidente da Adagro, Paulo Roberto Lima.

Os nomeados serão comunicados oficialmente pela Adagro e terão 30 dias para apresentar a documentação requerida no edital. Na sequência serão submetidos a perícia médica e tomarão posse. A contratação é imediata, com jornada semanal de 40 horas.

spot_img

Faça seu comentário

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_imgspot_img

Artigos Relacionados

spot_img

Siga-nos!

2,198FãsCurtir
148SeguidoresSeguir
5,800InscritosInscrever

Últimas postagens